VISITE NOSSA LOJA VIRTUAL Loja Virtual de Piscina Loja Virtual de Piscina

Será que existe algo melhor do que ter um espaço em casa exclusivo para relaxar após um dia exaustivo? Atualmente, este tem sido o sonho de muitos brasileiros, especialmente, aqueles que não possuem espaço suficiente para construir uma bela piscina.

Mas, se este for o seu caso, não se preocupe! Para driblar o cenário, você pode escolher entre uma banheira ou ofurô. Isso mesmo! Perfeitas para ambientes compactos, essas estruturas são ótimas para quem deseja investir na qualidade de vida, sem abrir mão da praticidade.

Inclusive, cada modelo possui os seus diferenciais e benefícios específicos, sendo ideal conhecê-los a fundo antes de tomar uma decisão. Pensando em te ajudar nessa tarefa, criamos um post exclusivo sobre o assunto. Acompanhe a leitura e faça uma escolha certeira.

Qual a diferença entre banheira e ofurô?

Para o “marinheiro de primeira viagem”, é importante conhecer as diferenças entre uma banheira e um ofurô. Então vamos começar falando da primeira opção.

Bem antiga e conhecida por todo mundo, a banheira foi criada bem antes do chuveiro e é constantemente vista em produções cinematográficas que nos levam aos séculos passados. No ocidente, a estrutura é utilizada para a higiene e limpeza do corpo.

Ainda vale lembrar que, sempre após o uso, a banheira deve ser esvaziada e a sua água trocada. No mercado, essas peças podem ser encontradas em diferentes materiais, como é o caso da louça, da fibra de vidro e do acrílico.

O ofurô

Por sua vez, o ofurô carrega uma proposta um pouco diferente. A palavra é de origem japonesa e também significa “banheira”. Contudo, a proposta é que ele seja utilizado somente para o relaxamento, por meio de banhos tradicionais e de imersão.

É importante salientar que o ofurô deve ser utilizado somente após o banho e com o corpo já limpo. Fato que não exige a troca da água a cada uso. Para garantir um resultado satisfatório, é necessário que a temperatura da água esteja entre 36º C e 40º C — garantindo, assim, um descanso mais intenso.

Em relação ao material de fabricação, destacamos a madeira. Porém, também há a possibilidade de encontrar ofurôs produzidos a partir de elementos sintéticos, tais como a fibra de vidro.

Quais os benefícios de cada opção?

Independentemente de optar pela banheira ou ofurô, ambos oferecem vantagens incríveis. Abaixo, contamos mais sobre cada uma delas para que a sua escolha seja mais tranquila.

Benefícios da banheira

Sem dúvida, o principal benefício da banheira é que o espaço pode ficar vazio sempre que não estiver sendo usado. Depois, é interessante destacar que existem modelos para todas as necessidades, como aqueles que comportam até sete pessoas ao mesmo tempo.

Inclusive, os seus materiais são bem resistentes, o que permite esse tipo de instalação em espaços abertos, sem que você precise se preocupar com a chuva ou a longa exposição ao sol.

Sobre os custos, tenha em mente — e em seu planejamento — que será preciso gastar com itens de limpeza, além da manutenção frequente na sua bomba ou no sistema de aquecimento. O mais comum, é que o seu valor de instalação seja maior do que o do ofurô.

Benefícios do ofurô

Com exceção dos modelos mais modernos e que contam com potentes jatos de água, o ofurô não exige instalação em um lugar fixo. A estrutura também pode apresentar uma profundidade maior do que as clássicas banheiras — detalhe que facilita a imersão do corpo.

É interessante ressaltar que, nessas peças, não há uma grande movimentação da água. Assim, você conseguirá utilizar ervas ou óleos essenciais para criar uma experiência ainda mais relaxante e revigorante.

Sobre os custos, as principais despesas estão relacionadas com o sistema de aquecimento, que pode ser elétrico ou a gás. Como estamos falando de uma estrutura mais compacta, o ofurô conta com uma capacidade reduzida: no máximo, duas pessoas ao mesmo tempo. A sua madeira também precisará de alguma atenção para que não se deteriore com o tempo.

Como escolher a melhor solução?

Caso ainda não tenha decidido entre banheira ou ofurô, saiba que existem algumas questões que merecem ser levantadas para que você não se arrependa no futuro. Nessa etapa, considere:

  • o objetivo da utilização do equipamento;
  • o espaço disponível para a instalação;
  • o número de pessoas que vão usar a estrutura;
  • o orçamento disponível para manutenção.

Esperamos que essas dicas tenham sido úteis para que você escolha, de uma vez por todas, entre banheira ou ofurô.

Se ainda quiser conferir mais detalhes sobre cada equipamento, aproveite para entrar em contato conosco e conhecer os nossos produtos disponíveis. Será um prazer atendê-lo!