VISITE NOSSA LOJA VIRTUAL Loja Virtual de Piscina Loja Virtual de Piscina

como-reduzir-os-custos-com-piscinaPowered by Rock Convert

Quem tem ou cuida de uma piscina geralmente busca soluções para reduzir os gastos, uma vez que é preciso investir em equipamentos e produtos com certa regularidade. Uma preocupação frequente é o consumo de água. Ter uma piscina com água de poço artesiano pode ser uma dessas soluções, mas será que é uma boa ideia?

Quando a água vem de fontes alternativas, como poços ou lagos, é preciso ter atenção redobrada no momento de tratá-la. Sendo assim, quais são os cuidados para piscinas que utilizam água de poço? Existe algum diferencial no tratamento? Como descobrir a presença de metais? Essas e outras dúvidas serão respondidas em nosso post. 

O que acha de desvendar agora mesmo 3 principais questionamentos sobre piscina com água de poço? Boa leitura!

1. É possível ter uma piscina com água de poço artesiano?

Optar por usar água de poço artesiano significa economia e garantia, uma vez que você consegue driblar a falta de água em épocas de racionamento. Porém, tais benefícios só farão sentido se você tiver um poço cuja água é potável e livre de contaminação. Além disso, precisa estar ciente de como o processo funciona.

A água de poço demanda um custo de obra alto, e você corre o risco de não encontrar água de qualidade por perto. Portanto, você precisa realizar um planejamento antes de tudo. Analise a amostra da água encontrada para saber se ela é ou não adequada para uso. Existem laboratórios e empresas especializadas que podem ajudar, mas também é possível fazer o teste em casa. 

Então, sim, é possível utilizar água de poço artesiano. Porém, existem algumas especificidades durante a manutenção. Quer saber como identificar a presença de metais tóxicos na água? É o que veremos no próximo tópico.

2. De que forma identificar a presença de metais na água?

A maneira de detectar metais na água é bastante simples. Para realizar o teste, você vai precisar apenas de um recipiente plástico e cloro. Se houver metais, a água vai adquirir uma coloração atípica, dependendo dos componentes presentes. Pode ser que a mistura fique na cor preta, marrom, vermelha, verde, azul ou em variações desses tons. Siga o passo a passo:

  • colete um pouco de água da piscina e coloque no recipiente ou copo de plástico;
  • coloque uma colher de cloro na água;
  • espere aproximadamente 1 hora;
  • verifique a cor resultante da água.

Uma cor amarelada, por exemplo, indica a existência de ferro. Já uma coloração azulada ou esverdeada mostra a presença de elementos como cobre e manganês. Se ela permanecer cristalina, é provável que não haja esse tipo de contaminação.

Mas qual é o motivo da presença de metais na água? Para começar, isso pode ser resultado de um descarte irregular de resíduos industriais. O lixo urbano também produz fumaças compostas por metais, que acabam sendo dissolvidos na água. Por fim, os metais podem ser oriundos de um tratamento ruim da piscina, em que há uso excessivo ou errado de produtos químicos. 

Powered by Rock Convert

Em resumo, o cloro vai reagir em contato com os metais da água, provocando coloração estranha e/ou manchas nos revestimentos. Por isso, fique atento a esses sinais, pois não é algo normal! Ciente dessas informações, é hora de você entender como realizar o tratamento em piscinas com água de poço artesiano.

3. É difícil tratar a piscina nesse caso?

Não é muito difícil remover os metais da água, mas você precisa ficar atento a qualquer alteração. Os metais pesados são prejudiciais à saúde, pois são absorvidos pelo corpo e causam diversos problemas. O cobre provoca febre e náuseas, enquanto o manganês acarreta distúrbios neurológicos. Preocupante, não é? Então, é hora de saber como tratar da saúde da sua piscina

Supercloração

Essa é uma das principais formas de tratar uma piscina rica em metais. No processo, o cloro elimina agentes contaminadores e também os metais da água. Para cada mil litros de água, é indicado adicionar 14g de cloro. Verifique a cor da piscina após 1 ou 2 dias. Se continuar forte, repita o processo até que a água esteja transparente. Além disso, use um decantador para tirar o metal acumulado no fundo da piscina. 

A supercloração é a adição de cloro em nível bem acima do normal, para garantir uma limpeza forte. O tratamento deve ser feito após o pôr do sol, pois especialistas dizem que os raios ultravioletas são capazes de destruir a ação do cloro ativo. Em piscinas residenciais, é indicado fazer o procedimento a cada 30 dias, mas isso também vai depender da frequência de uso.

No caso das piscinas coletivas, o tratamento deve ser feito entre 7 e 15 dias (se for pouco utilizada) ou até mesmo diariamente (uso intensivo). Consulte antes as instruções dos produtos.

Controlador de metais

Trata-se de um produto específico que age de forma “2 em 1”: remove os metais e ainda auxilia na eliminação de manchas. Siga os 3 passos: 

  1. medir a alcalinidade (o recomendável é entre 80 e 120 ppm);
  2. conferir o nível de pH (entre 7,0 e 7,4);
  3. avaliar a quantidade de cloro (entre 1 e 3 ppm).

Depois, você vai utilizar o controlador de acordo com as instruções do produto adquirido. Após tudo isso, a última dica é para a remoção de manchas. Coloque o sistema da piscina em modo “filtrar” e escove bem todas as superfícies. 

Como vimos, identificar a presença de metais pesados na água é bem fácil, assim como realizar o tratamento. Mas isso só é possível se você monitorar semanalmente a sua piscina. Uma pequena alteração já pode sinalizar que algo está errado. Portanto, não descuide de uma boa limpeza. Assim, você garante a saúde e a segurança dos banhistas! 

Se você tem uma piscina com água de poço artesiano, repita os processos acima mensalmente ou antes de cada reabastecimento. Piscinas que utilizam água de poço, rios ou lagos podem conter excesso de metais, e a ação deles provoca manchas na piscina, água turva ou até colorida. Então, fique atento e siga as nossas dicas!

Este post sobre piscina com água de poço artesiano foi útil? Então, você também vai gostar do nosso texto com 5 dicas para criar uma área de lazer moderna. Boa leitura e até logo!

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.
Powered by Rock Convert