VISITE NOSSA LOJA VIRTUAL Loja Virtual de Piscina Loja Virtual de Piscina

Cada vez mais pessoas optam por viver em condomínios-clube, onde a infraestrutura e os serviços para a diversão compartilhada estão entre os principais diferenciais. Mas, para se tornarem ainda mais atrativos, esses espaços devem receber materiais de boa qualidade. O investimento, além de garantir a segurança e o conforto dos condôminos, proporciona maior durabilidade e menor frequência de manutenção, como mostrado nas dicas de decoração para áreas de lazer a seguir.

Inspire-se para renová-las com o melhor custo-benefício. Seja por meio de reformas ou com apenas alguns toques, confira como é possível deixar a piscina personalizada, o jardim bonito e muito mais!

1. Revestimentos antiderrapantes

O piso da área de lazer, principalmente ao redor da piscina, deve ser funcional. Opte por revestimentos antiderrapantes e atérmicos, evitando escorregões e queimaduras em pés mais sensíveis ao calor.

Se necessário, os materiais devem receber tratamento com óleo hidrofugante, para evitar o aparecimento de fungos e a formação de limo.

Para que não retenha água e fique manchada, a superfície não pode ser muito porosa. Prefira pedras, como mármore ou granito, com acabamentos apicoados.

Porcelanatos ou pastilhas com especificações adequadas (índice de absorção e coeficiente de atrito) são modernos e atualizam o setor.

2. Espreguiçadeiras resistentes

Os móveis para piscina precisam ser confortáveis e resistentes. Além de aguentarem a incidência dos raios solares e a umidade constante, têm de sobreviver aos cremes, loções e óleos dos corpos besuntados.

As espreguiçadeiras são um item em que vale a pena gastar um pouco mais, pois costumam ser disputadas, ficando raramente vazias.

Dispostas na prainha ou na borda molhada (estruturas que conduzem os banhistas ao interior da piscina), são ideais para quem gosta de um bom banho de sol.

3. Ombrelones, pergolados e cia

Já para quem é fã de sombra e água fresca, nada melhor do que guarda-sóis ou generosos ombrelones para acompanhar mesinhas e banquinhos próximos à piscina.

Pergolados de madeira ou de alvenaria também são uma boa pedida para relaxar pelo jardim. O uso de vegetação, como sapatinho-de-judia, ajuda a embelezar a estrutura.

Para deixar tudo ainda mais bonito e confortável, coloque alguns futons ou almofadas, em estilo tatame e com tecido impermeável, sobre os assentos.

4. Jardins e canteiros

Evite plantar espécies miúdas e que soltam muitas folhas, as quais acabam parando na piscina. Prefira as plantas de folhagem mais larga, como palmeiras e coqueiros diversos, para criar áreas sombreadas.

Se quiser fazer o cultivo em vasos, escolha aqueles de materiais resistentes ao tempo, como os feitos de concreto ou de cerâmica.

Os modelos maiores comportam árvores frutíferas; já os menores podem receber ervas e temperos, criando um canteiro aromático. Com criatividade, pode-se ir muito além das folhagens.

Também vale a pena compor um jardim vertical, criando uma bela parede viva. É possível optar pela irrigação automatizada nesse tipo de instalação, o que evita o desperdício de água e ajuda a acertar no volume e na frequência das regas.

Por fim, para conectar o jardim à piscina ou à área gourmet, opte por caminhos com pisantes de cimentícios. Há opções que reproduzem a aparência de pedras e madeiras com perfeição e são bem mais práticas.

5. Deques de madeira

Para aumentar o clima de relaxamento próximo a hidromassagens, spas e ofurôs, vale a pena investir em belos deques de madeira ao seu redor.

A melhor opção é feita com ripas tratadas. Dessa maneira, ficam imunes ao intemperismo, aos respingos e à ação de cupins, aumentando sua durabilidade.

Em relação ao grau de processamento, a superfície das tábuas de madeira deve ser corrugada ou ranhurada, para ficar ainda mais antiderrapante.

Se a área for intensamente exposta ao sol, opte por espécies resistentes, como o ipê tabaco e o cumaru, ou por madeiras de reflorestamento, como pinus e eucalipto, tratadas industrialmente a vácuo.

6. Cascatas e escorregadores

Para deixar o visual mais natural, com forte apelo contemplativo, aproveite as rochas típicas da região para revestir a cascata. A técnica fica especialmente bonita em modelos embutidos na parede.

Mas, independentemente do estilo, tome cuidado para que o material do entorno da piscina combine com o estilo de cascata. Se o revestimento for sóbrio, aposte em um modelo de inox instalado sobre a borda.

Vale mencionar, ainda, que a cascata ajuda na oxigenação da água. Além de fazer bem, deixa a piscina muito mais agradável.

Se a proposta for agradar aos mais jovens, escorregadores e toboáguas podem ser usados em piscinas de dimensões maiores.

Os modelos de fibra são mais indicados do que os infláveis (bem menos resistentes). Além de dar um up no entretenimento, eles ajudam a compor um belo visual.

Não se esqueça de que a escada para o acesso da molecada tem que ter degraus com fitas antideslizantes. Assim, evitam-se escorregões.

7. Iluminação dentro e fora da piscina

A iluminação interna e externa à piscina valoriza o ambiente e aumenta a segurança, especialmente ao anoitecer.

Há refletores tradicionais, com luz branca; spots perimetrais (para realce do contorno arquitetônico) e pontuais (que iluminam a água) de fibra ótica; e modelos em LED, com acionamento e troca de cores por controle remoto.

Para acertar na quantidade de iluminação, considere o formato da piscina e observe se não há barreiras para a passagem dos fachos de luz – cuja intensidade é diretamente influenciada pela cor do revestimento.

Decoração para áreas de lazer sem erro

De maneira resumida, na decoração para áreas de lazer em condomínios, é permitido ousar na escolha da paleta de cores e variar nos tipos de materiais, contanto que todos os objetos expostos ao tempo sejam resistentes.

Do contrário, acabam desbotados ou até mesmo rachados ou quebrados. Por isso, jamais opte por materiais de qualidade inferior, visando apenas a economia financeira em detrimento da segurança dos usuários.

Na hora de planejar a decoração para áreas de lazer, tenha em mente que a qualidade é o mais importante. Afinal, de crianças a idosos, todos merecem aproveitar!

Agora que você viu como é possível unir simplicidade e elegância, bem como resistência e conforto na escolha de móveis e objetos, continue se informando sobre o tema. Aproveite para acessar nosso blog e veja quais são as exigências em piscinas de uso coletivo!

Powered by Rock Convert

POSTS RELACIONADOS


Share This