VISITE NOSSA LOJA VIRTUAL Loja Virtual de Piscina Loja Virtual de Piscina

Quem tem piscina de fibra sabe que, com o tempo, ela tende a ficar esbranquiçada e opaca, seja pela ação do sol, seja pela atuação de agentes químicos, como o cloro e os algicidas de choque. O material também pode amarelar em função do contato com objetos metálicos. Para resolver isso, é importante investir em polimento de piscina de fibra. 

Não se trata de uma questão estética apenas. Esse é um dos motivos, claro, mas a opacidade e o embranquecimento da piscina revelam o desgaste da fibra de vidro, comprometendo o material, que pode vir a rachar.

Para entender como funciona, pense que o procedimento de polimento da fibra da piscina é similar ao realizado na pintura de carros. Ou seja, pode ser feito diversas vezes para deixar a cor mais viva e conservar a pintura, mas sempre com o produto correto e a aplicação cuidadosa.

Veja, agora, como conservar a sua piscina e evitar que ela apresente esses problemas!

1. Limpe as bordas

Para prevenir o desgaste da piscina, faça o polimento preventivamente a cada quatro meses. Comece esvaziando a piscina em cerca de 40 centímetros. Depois, limpe as bordas com um produto próprio para essa finalidade  um “limpa bordas” —, utilizando uma esponja macia para a aplicação.

Você vai precisar de dois baldes. Em um deles, deve dissolver o produto para aplicá-lo de forma homogênea em toda a borda da piscina. Em outro balde, deve deixar água limpa para higienizar a esponja. 

Isso é importante, pois se você utilizar a própria água da piscina para enxaguar a esponja, devolverá, para a borda, a água e a quantidade de produtos químicos que a deixaram desbotada. 

2. Aplique massa de polir e cera

Após a limpeza das bordas, aplique uma demão de massa de polir. Espere secar e coloque uma camada de cera para a mesma função. Aguarde secar novamente e, então, faça o polimento com uma lixadeira específica para fibra de vidro.

Esses produtos podem ser encontrados em lojas especializadas. Para uma manutenção mais rápida e eficiente, lembre-se de, uma vez por mês, usar apenas a cera nas bordas, que estão mais suscetíveis ao contato com o sol.

3. Renove a pintura

Mesmo com o polimento em dia, a piscina ainda pode apresentar desbotamento. Nessa hora, é necessário renovar a pintura.

Entretanto, é aconselhável que essa parte seja feita por uma empresa especializada, que esvaziará a piscina e a lixará. Depois, fará um polimento e a aplicação de esmalte à base d’água antes da nova pintura com tinta especial para piscinas (náutica ou epóxi).

Antes do procedimento, o profissional que for realizar a pintura poderá aproveitar que ela está vazia para verificar se tem alguma rachadura ou problema que prejudique a estrutura da piscina. Por isso, é ainda mais importante contar com alguém que tenha esse conhecimento.

4. Escolha o melhor dia

Quando for renovar a pintura da piscina, escolha uma época do ano em que o clima esteja favorável: seco e sem vento. Você pode acompanhar a previsão do tempo para marcar o melhor dia. Isso porque a chuva ou o vento forte inviabilizam a pintura. 

Powered by Rock Convert

Durante a obra, proteja o entorno da piscina que não será pintado. Use lonas, jornais presos com fita crepe ou outros materiais para proteger o deck e evitar que sujem com a tinta da piscina.

5. Faça a manutenção corretamente

Ao lado do sol, os produtos químicos são, igualmente, os grandes causadores do desgaste na piscina. Contudo, essa ação pode ser minimizada se a manutenção for feita de forma correta, com produtos de qualidade e frequentemente. 

Aplique o cloro corretamente

É necessário dissolver o cloro antes de colocá-lo na piscina. Jogar uma pastilha inteira na água, simplesmente, pode produzir uma mancha no local que for tocado por ela. Prefira cloro orgânico, que tem cadeiras carbônicas resistentes, e siga sempre as instruções do fabricante presentes na embalagem.

Mantenha o nível do pH

Além disso, mantenha o pH sempre no nível adequado, de 7,0 a 7,4, aplicando alcalinizante todas as vezes em que o medidor indicar que o pH está abaixo ou acima do índice.

A  aplicação do produto é necessária mesmo no inverno, a cada 15 dias, quando a piscina não estiver em uso. Isso evita a proliferação de algas que também provocam manchas.

Aspire a piscina

Aspirar a piscina para retirar poeira, terra e folhas é fundamental antes de qualquer aplicação de produto químico. Dessa forma, não só a piscina, mas os equipamentos de filtragem serão preservados. Depois de aspirar, você deve peneirar a superfície da água, retirando insetos, folhas e outros resíduos.

Escove as paredes da piscina

A escovação das paredes da piscina contribui para evitar manchas e o aparecimento de algas e micro-organismos indesejáveis. Para isso, não utilize escovas duras e materiais abrasivos na limpeza de manutenção, pois eles podem riscar e desgastar ainda mais a pintura. 

Limpe os equipamentos com frequência

A limpeza dos equipamentos usados para filtragem da água deve ser feita com frequência para que eles continuem funcionando plenamente. É importante seguir as instruções do fabricante nesse procedimento.

Filtros, bomba d’água e encanamentos devem ser limpos antes da hibernação durante o inverno. Após a limpeza, desligue os equipamentos que precisam de energia para funcionar.

Proteja a piscina

Quando não estiver em uso, o ideal é que a piscina fique coberta. Assim, haverá menos incidência do sol e dos fatores externos que sujam a água, preservando a cor da fibra por mais tempo. 

Com esses cuidados, sua piscina vai manter a cor e a beleza de forma prolongada. Em geral, a pintura dura oito anos, mas pode preservar sua vida em dois anos ou mais, quando observada a manutenção correta.

Porém, se você achou essas dicas muito difíceis de serem executadas ou não quer se envolver com o polimento de piscina de fibra, contrate uma empresa especializada. Somente assim, você garante que a sua piscina ficará com aspecto de nova. 

A Pool Rescue executa todos os procedimentos preventivos e de recuperação de piscinas. Entre em contato conosco e solicite um orçamento.