VISITE NOSSA LOJA VIRTUAL Loja Virtual de Piscina Loja Virtual de Piscina

Loja VirtualPowered by Rock Convert

A ação do sol ou de agentes químicos, como o cloro e algicidas de choque, é um fator determinante para que uma piscina de fibra fique esbranquiçada e opaca com o passar do tempo. O material também pode amarelar em função do contato com objetos metálicos, como pulseiras, correntes e anéis. Apesar de ser algo praticamente inevitável, existe uma forma muito simples de resolver esse tipo de problema: investir em polimento de piscina de fibra.

Não se trata apenas de uma questão estética. É claro que a aparência é um dos motivos para se fazer um polimento, mas a opacidade e o embranquecimento da piscina revelam o desgaste excessivo da fibra de vidro, o que pode comprometer o material. Infelizmente, isso contribui para o rachamento da piscina e, consequentemente, gera um grande prejuízo para o seu dono.

Para entender como funciona, pense que o procedimento de polimento da fibra da piscina é muito parecido com aquele que é realizado na pintura de carros. Ou seja, ele pode ser feito diversas vezes para deixar a cor mais viva e conservar a imagem, mas sempre deve ser realizado com o produto correto e uma aplicação muito cuidadosa.

Veja, agora, como conservar a sua piscina de fibra e evitar que ela apresente problemas que não estavam nos seus planos de diversão. Afinal de contas, tudo o que queremos é nadar em um local devidamente preparado para o nosso lazer, sem preocupações.

Powered by Rock Convert

1. Limpe as bordas periodicamente

Você, que é dono de uma piscina de fibra, já sabe quais são as imensas vantagens de se ter uma dessas em casa. Esse tipo de produto é ideal para quem procura lazer com um investimento de baixo custo aliado a um material resistente que, dificilmente, trará maiores dores de cabeça em conservação e manutenção. No entanto, para que os problemas fiquem longe, é preciso tomar algumas medidas.

Para prevenir o desgaste desnecessário da piscina de fibra, é importante fazer um polimento preventivo a cada quatro meses. Comece o procedimento esvaziando cerca de 40 centímetros de altura de água. Depois, limpe as bordas com um produto específico para essa finalidade — chamado de “limpa bordas” —, utilizando uma esponja macia para a aplicação.

Você vai precisar de dois baldes durante a atividade. Em um deles, dissolva o produto para aplicá-lo de forma homogênea em toda a borda da piscina. Encha o outro balde com água limpa para higienizar a esponja constantemente.

Esse passo é importante, pois se você utilizar a própria água da piscina para enxaguar a esponja, devolverá a água e a quantidade de produtos químicos que deixaram a borda desbotada. Ou seja, a limpeza não vai adiantar em nada.

Por conta das especificidades do revestimento, para realizar o esvaziamento da sua piscina, procure um serviço especializado para que as paredes do produto sejam devidamente escoradas antes do processo. Há um grande risco de trincar ou quebrar o material ao retirar água em demasia, se não houver o devido suporte externo.

2. Aplique massa de polir e cera

Após a limpeza das bordas, aplique uma demão de massa de polir. Espere secar e coloque uma camada de cera para a mesma função. Aguarde secar novamente e, então, faça o polimento com uma lixadeira específica para fibra de vidro.

Esses produtos podem ser encontrados em lojas especializadas. Para uma manutenção mais rápida e eficiente, lembre-se de usar uma vez por mês apenas a cera nas bordas, que são os lugares com contato mais direto do sol.

Segundo especialistas, a piscina de fibra pode gerar uma economia de até 40% em produtos químicos para manutenção em comparação a piscinas fabricadas com outros materiais. Isso acontece porque a fibra não influencia nas propriedades da água. Fora isso, ela dificilmente apresentará vazamentos e, como não tem revestimento de azulejos, não precisa de rejunte, facilitando na hora da limpeza.

3. Renove a pintura

A piscina de fibra é um produto de fácil instalação e se adapta facilmente aos mais diversos ambientes e espaços. O polimento periódico garante uma satisfação maior do cliente e uma qualidade de vida melhor com muita diversão debaixo d’água.

Mesmo com o polimento em dia, a piscina de fibra ainda pode apresentar desbotamento, o que deixa com um ar de má conservação e envelhecimento. Nessa hora, é necessário renovar a pintura para garantir uma maior durabilidade do produto e um melhor aspecto visual, deixando o ambiente muito mais agradável e que todo mundo vai querer passar horas do seu tempo livre nadando por ali.

Entretanto, é aconselhável que essa parte seja feita por uma empresa especializada, que esvaziará a piscina e a lixará. Depois, fará o polimento e a aplicação de esmalte à base d’água antes da nova pintura com tinta especial para piscinas (náutica ou epóxi).

Antes do procedimento, o profissional que for realizar a pintura poderá aproveitar que ela está vazia para verificar se tem alguma rachadura ou problema que prejudique a estrutura da piscina. Por isso, é ainda mais importante nessa hora contar com alguém que tenha esse conhecimento específico.

4. Escolha o melhor dia

Quando for renovar a pintura da piscina, escolha uma época do ano em que o clima esteja favorável: seco e sem vento. De preferência, planeje-se para executar o serviço em períodos em que a piscina é pouco aproveitada, quando a temperatura está mais baixa. Você pode acompanhar a previsão do tempo para marcar o melhor dia. Isso também porque a chuva ou o vento forte inviabilizam a pintura.

Durante a obra, proteja o entorno da piscina que não será pintado. Use lonas, jornais presos com fita crepe ou outros materiais para proteger o deck e evitar que fique sujo com a tinta da piscina.

5. Faça a manutenção corretamente

Juntamente do sol, os produtos químicos são, em mesma medida, os grandes causadores do desgaste na piscina de fibra. Contudo, essa ação pode ser minimizada se a manutenção for feita de forma correta, com produtos de qualidade e com uma maior frequência. Confira algumas dicas essenciais para você ter uma piscina em perfeito funcionamento a todo momento.

6. Aplique o cloro corretamente

O cloro sempre deve ser dissolvido antes de ser colocado na piscina. Jogar uma pastilha inteira na água pode produzir uma mancha no local em que for tocado por ela. Dê preferência para o cloro orgânico, que tem cadeias carbônicas resistentes e siga sempre as instruções do fabricante que estão presentes na embalagem.

7. Mantenha o nível do pH

Uma das ações mais importantes é manter o pH sempre no nível adequado, de 7,0 a 7,4. Para isso, aplique o alcalinizante todas as vezes em que o medidor indicar que o pH está abaixo ou acima do índice.

A aplicação do produto é necessária mesmo no inverno, a cada 15 dias, quando a piscina não estiver em uso. Isso evita a proliferação de algas que também provocam manchas.

8. Aspire a piscina

Aspirar a piscina para retirar poeira, terra e folhas é fundamental antes de qualquer aplicação de produto químico. Dessa forma, não só a piscina, mas os equipamentos de filtragem serão preservados. Depois de aspirar, você deve peneirar a superfície da água, retirando insetos, folhas e outros resíduos.

9. Escove as paredes da piscina

Uma grande vantagem da piscina de fibra é o baixo índice de algas que se forma nela. Mesmo assim, a limpeza da borda e escovação da parte interna da piscina são fundamentais. A escovação contribui para evitar manchas e o aparecimento de micro-organismos indesejáveis.

Para isso, não utilize escovas duras e materiais abrasivos na limpeza de manutenção, pois eles podem riscar e desgastar ainda mais a pintura.

10. Limpe os equipamentos com frequência

A limpeza dos equipamentos usados para filtragem da água deve ser feita com frequência para que eles continuem funcionando plenamente. É importante seguir as instruções do fabricante nesse procedimento.

Filtros, bomba d’água e encanamentos devem ser limpos antes da hibernação durante o inverno. Após a limpeza, desligue os equipamentos que precisam de energia para funcionar.

11. Proteja a piscina

Quando não estiver em uso, o ideal é que a piscina fique coberta com uma capa protetora. Assim, haverá menos incidência do sol e dos fatores externos que sujam a água, preservando a cor da fibra por mais tempo.

Com esses cuidados, sua piscina vai manter a cor e a beleza de forma prolongada. Em geral, a pintura dura oito anos, mas pode prolongar a vida do produto em dois anos ou mais, quando observada a manutenção correta. Geralmente, uma piscina de fibra dura mais de 20 anos.

Se você achou essas dicas muito difíceis de serem executadas ou não quer se envolver com o polimento de piscina de fibra, contrate uma empresa especializada. Somente assim, você garante que seu local de mergulhos, nados e relaxamento ficará com aspecto de novo e terá a certeza de dar o lazer ideal para sua família por muito tempo.

A Pool Rescue é uma empresa especializada em piscinas que ajuda você a ter o melhor produto e deixá-lo sempre nas melhores condições de uso possíveis. Executamos todos os procedimentos preventivos que farão com que sua piscina de fibra seja um lindo espaço de convivência e diversão. Entre em contato e saiba como contratar nossos serviços!